Quais são as vantagens das redes sociais para incorporadoras?

Descubra 4 benefícios de investir nesses canais e como fazer um bom trabalho eficiente neles

A redes sociais possuem uma série de funcionalidades que tornam mais fáceis a relação entre clientes e empresas. Só que as marcas precisam saber como usar esses canais para que tragam os resultados desejados. É necessário definir estratégias e de fato aplicá-las para que as incorporadoras percebam as vantagens das redes sociais no dia a dia. A seguir apresentamos algumas.

Divulgação da marca

Toda empresa deseja divulgar a sua marca, seja para uma grande audiência ou para um grupo específico de pessoas. As redes sociais permitem que as incorporadoras trabalhem nos dois formatos. O Facebook, por exemplo, tem mais de 2 bilhões de usuários pelo mundo. Só no Brasil são mais de 120 milhões de pessoas.

Ao ter páginas próprias no Facebook, as incorporadoras conseguem trabalhar com uma audiência geral ou segmentada para se tornar mais conhecida ou estreitar o relacionamento com seu público. Formato semelhante de divulgação pode ser feito em outras redes sociais famosas mundialmente, como Twitter e Instagram.

As incorporadoras conseguem divulgar sua marca por meio de postagens com as quais as pessoas podem interagir. Os posts e a interação instantânea são outras vantagens das redes sociais que abordaremos em seguida.    

Compartilhamento de conteúdo relevante

Ter uma página nas redes sociais não significa que as incorporadoras devem postar qualquer tipo de informação. Durante o processo de compra do imóvel, o potencial cliente terá muitas dúvidas. Ajudá-lo com conteúdos que auxiliem nas etapas da jornada de compra é uma maneira de começar a criar aproximação. Se sua incorporadora tem um blog, é uma boa estratégia produzir esse tipo de conteúdo e compartilhar nas redes.

Outros assuntos interessantes para as pessoas são depoimentos de clientes que já tiveram experiências positivas com a incorporadora e ações de marketing. Dessa forma, as pessoas vão entender melhor a proposta da incorporadora, sabendo para quem ela direciona seus produtos e quais são as características dos empreendimentos.

No caso da incorporadora desejar destacar alguma postagem específica, ela pode promover o conteúdo. Para entender mais sobre como usar as redes sociais para destacar postagens, baixe o nosso Guia do Marketing Digital para Incorporadoras: venda de lançamentos através da internet.

Conhecer o cliente

Outra grande vantagem das redes sociais é conhecer as pessoas que demonstram interesse na incorporadora e seus empreendimentos. Para fazer isso é bem simples: basta dar uma olhada no perfil do cliente para ter uma ideia do seu estilo de vida. Dessa forma a incorporadora pode ofertar o produto ideal.

Imagine que seus empreendimentos têm de 2 a 3 dormitórios e área de lazer para crianças. Em uma olhada rápida no perfil do potencial cliente dá para perceber se faz sentido vender para ele. As redes sociais vão mostrar se ele é solteiro ou casado, se tem filhos, entre outras informações. Assim, o time comercial não perde tempo com um lead desqualificado para o produto.

As redes sociais que mostram o estilo de vida da pessoa são o Facebook e o Instagram. Já o LinkedIn é focado na profissão do potencial cliente. É também uma ótima ferramenta para entender qual o momento financeiro da pessoa, pois a incorporadora pode traçar um perfil do poder de compra do cliente.

Interação direta e pessoal com o cliente

As interações nas redes sociais são instantâneas, o que permite às incorporadoras conversar com os as pessoas em tempo real. Os clientes podem comentar nas postagens ou enviar mensagens no chat privado. Muitas empresas já trabalham inclusive com bots automáticos para atender as pessoas via redes sociais.

Abaixo mostramos dois exemplos de empresas, que não são do mercado imobiliário, que usam as redes sociais para interagir com os clientes. Além disso, sempre que elas respondem é da forma como querem ficar conhecidas e lembradas pelas pessoas.

A Pontofrio, loja de produtos eletrodomésticos e eletrônicos, criou até um personagem no Twitter para dar personalidade à empresa.


Já a Netflix, serviço de streaming, costuma ser engraçada e busca interagir com seus seguidores no Facebook.

Como sua incorporadora usa as redes sociais? Está sendo vantajoso? Conta para a gente nos comentários!

 

Deixe uma resposta